10 cuidados ao contratar um pedreiro

Muitas pessoas acabam reclamando dos seus pedreiros, porém, acabam não fazendo nada, para não prejudicar o andamento da obra. Por isso, se você é um marinheiro de primeira viagem, é de extrema importância se policiar e ter certos cuidados ao contratar um pedreiro a fim de evitar a perda de cabelos devido a estresses relacionados.

como contratar um pedreiro

Escolher um bom pedreiro não é uma tarefa fácil. Com base nos problemas enfrentados, vamos sugerir 10 dicas para vocês.

Por isso, resolvemos montar esse artigo com 10 cuidados ao contratar um pedreiro para lembrar das coisas que passamos, ou seja, é um estudo de caso que retrata tudo que estamos passando na construção da nossa casa. Fique atento, pois você também poderá passar por isso.

10 cuidados ao contratar um pedreiro

Antes de tudo, procure fazer um contrato com seu pedreiro, listando tudo que ele deve fazer na obra, prazo para execução e os dados para assinar a carteira de trabalho. Essa é a primeira grande dica, mas que não vai entrar na nossa seção dos 10 perigos dos pedreiros.

– Tenha carteira assinada

Muitas pessoas optam pelo bom senso, pela palavra das pessoas mas isso está bem complicado hoje em dia, pois muitos pedreiros estão processando contratantes pela falta de pagamento do INSS, férias, FGTS, por isso, se vai contratar um pedreiro, faça sim a carteira assinada, você vai se incomodar menos com isso.

– Procure especificar medidas e cobre-o

Toda casa tem problemas com portas tortas ou fora de medida, é praticamente impossível encontrar pessoas que façam 100% correto, por isso, quando estiverem subindo as paredes, cobrem para alinharem e montarem um molde para portas e janelas. Assim, evita-se quebrar as paredes posteriormente e economiza dinheiro.

– Contrate por metro quadrado

dicas de como contratar um pedreiro

Contratar a obra por metro quadrado evita-se que fuja do orçamento.

Pagar por hora é complicado, cada vez as pessoas trabalham mais devagar pagando por dia, é só acompanhar que eles param para fumar um cigarro, conversar e sua obra, está lá parada. Portanto, opte sempre pela contratação por metro quadrado ou pelo valor final da obra, você sabe o quanto vai gastar e não foge disso quando o quesito é mão de obra.

 

– Acompanhe diariamente sua obra

Sim, vá todo dia e acompanhe o resultado. Dê sugestões, se mostre entendido para que gambiarras não sejam feitas, procure também manter seu engenheiro junto a obra, muitas só passam no final da obra, então procure encontrar alguém que acompanhe ao menos semanalmente sua obra.

– Controle o desperdício

cuidados de como contratar um pedreiro

Se você visitar uma obra e ver muito lixo de obra pendente. Fuja para as colinas e não contrate.

Obra suja quer dizer desperdício de material, se você vê massa no chão, pisos quebrados, tijolos pelo chão. Tome cuidado! Muitas vezes você pode encontrar massa enterrada no quintal da sua casa, pois seus pedreiros não quiseram gastar tudo e resolveram jogar fora. Afinal, não são elas que estão pagando, não é mesmo?

– Não tenha medo de se impor

Você está pagando a obra, muitas vezes o pedreiro é teimoso e deseja fazer do jeito dele, se você sabe que ele está errado. Fale isso para ele e peça para ele fazer do jeito certo, mostrando que quem o contratou foi você e precisa exatamente do jeito que você quer e não dele.

– Ao terminar a obra, faça um contrato de conclusão

Evitar processos é essencial, mas também colocar uma clausula que o pedreiro se responsabiliza por problemas na sua obra é algo que você pode se organizar, afinal, se trincar uma parede ou uma cerâmica em menos de um ano é porque alguma coisa de errado foi feita. Com esse contrato você pode cobrá-lo na justiça. Mas lembre-se de autentificar as assinaturas!

– Cuidado com as indicações

Pedreiros sempre gostam de indicar amigos para encanamentos, parte elétrica e até na parte estética da casa. Cuidado, pois muitas vezes picaretas oferecem uma parte do valor para indicação e você fica de mãos atadas, procure conhecer o trabalho dos profissionais e na maioria das vezes não vá pela indicação do pedreiro, salvo se você conhecer o trabalho.

– Material de segunda, nem pensar

Outro cuidado bem importante é que os pedreiros falam para utilizar material e segunda que não vai influenciar na obra. ATENÇÃO. Influencia na estética a curto prazo e a longo pode influenciar na estrutura da sua casa, se você já está construindo, opte pela qualidade e produtos de primeira qualidade.

– Controle sua obra

Jamais deixe sua obra nas mãos de uma pessoa que você não conhece. Procure saber de tudo sobre o pedreiro, visite casas que ele já realizou, peça informações acerca do trabalho e cuidado para não haver terceirização, ou seja, você contrata um bom pedreiro e ele manda seus contratados para lá, pode ter certeza de que alguma coisa de ruim vai acontecer. Então, para que isso não aconteça, controle tudo.

Por fim, faça todos os recibos, contratos tudo registrado em cartório para evitar problemas relacionados a justiça futuramente. Além disso, pesquise muito sobre seu pedreiro, pois bons pedreiros estão em escassez ultimamente, 99% dos que constroem casas, sofrem por causa desse profissional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *